Como identificar um Psicopata? - Namorado (parte 5 de 7)

21:00:00 Administrador 0 Comments

O texto não está ligado diretamente a Conscienciologia, mas tem relação
com a conscienciometria, pois analisar e identificar psicopatas é tema
extremamente relevante nas relações interconscienciais.



Seu namorado é Psicopata?


Nos assuntos do coração devemos ser particularmente cautelosos. É nesses momentos de sedução, em que nossas defesas estão baixas, que os psicopatas podem atacar. O olhar fixo e penetrante de um psicopata pode ser muito sedutor. Até mesmo um encontro casual e descompromissado com um psicopata pode ser difícil: eles têm tendência para expressar rapidamente “emoções profundas” – e se você estiver procurando alguém para amar, essa pode ser a isca perfeita para fisgar você.

Um ponto relevante é que você não pode necessariamente confiar em seus filtros normais, como avaliar a maneira com se vestem. Afinal de contas, tem psicopata de tudo quanto é jeito: desde vagabundo profissional que vive de seguro-desemprego até milionário que usa terno Versace (aparência não conta). Para complicar ainda mais a situação, o psicopata astuto pode te enganar por ser charmoso e extremamente galanteador tendo sempre um elogio na ponta da língua.

Se ele ou ela não demonstrar a mínima compaixão quando você lhe contar que seu gato morreu na semana passada, preste atenção. Se for excessivamente insinuante e não repara que isso a está deixando incomodada, esse é outro sinal de alerta. E se adora filmes de terror, pornografia extrema ou tortura de animais, mas não nota o horror espantado em seu rosto... Bem... Você sabe que não deve lhe dar o número de seu telefone.

Se um psicopata jogar todo seu charme em cima de você, lembre-se que a melhor defesa é sua autoestima e só vão conseguir enganá-la se estiver vulnerável. Conheça seus próprios limites e, se o cara ultrapassá-los de uma maneira que a deixe desconfortável, caia fora. Tenha especial atenção aos encontros pela internet onde se pode facilmente ser falso em múltiplos aspectos.


Os 7 sinais do namorado psicopata:

Sinal 1 e 2: Charme e afeto superficial: os psicopatas não sentem empatia e, para falar o que os amantes querem ouvir, eles simplesmente repetem palavras que encontraram em algum lugar. Como ficam ansiosos para manipular e convencer uma possível parceira sexual a fazer o que eles querem, declaram amor e demonstram sentimento “profundo” logo no início. Como suas palavras não expressam seus sentimentos, eles “exageram nas atitudes”. Se você acha que eles se apaixonam rápido demais, você está enganada. Eles nunca se apaixonam.

Sinal 3: Os psicopatas costumam ficar entediados e, por isso, precisam de estimulação – o comportamento sexual promíscuo é uma maneira de obter essa estimulação. Eles não entendem que não fica bem sugerir sexo pornográfico antes mesmo de ter saído uma vez com a pessoa. Na visão deles, eles estão simplesmente tentando satisfazer às suas necessidades, e talvez você possa ajudá-los.

Sinal 4: Qualquer apelo sentimental em um primeiro encontro é sinal de manipulação. Cuidado com os melodramas muito cedo, assim como a bajulação excessiva ou qualquer tipo de comportamento cujo intuito é fazer com que você se sinta como se lhe devesse algo.

Se, por exemplo, ele fizer o maior estardalhaço por ter pagado a conta do restaurante ou viajado quilômetros para vê-la, está sendo manipulador. Se for o primeiro encontro ele deveria estar empolgado e não agindo como se você devesse um grande favor!

Sinal 5: É um mentiroso patológico. Se for preciso usa a foto de outra pessoa em perfil falso na internet e não tem o mínimo de moralidade.

Sinal 6: Possui passatempos inadequados, especialmente esportes radicais, e seu desejo de viajar com ele tão cedo são sinais de necessidade de extrema estimulação.

Sinal 7: Problemas precoces de conduta são um sinal de alerta que não se deve ignorar. Isso sem contar o fato de culpar apenas os outros por isso.


Sinais de alerta no primeiro encontro:

Se ele exibir metade destes sinais você está na zona de perigo:
- Marca branca no dedo da aliança = mentira patológica.
- Dirige em alta velocidade ou bêbado apesar dos seus apelos = irresponsabilidade.
- Ele passou em você uma cantada na rua = impulsividade.
- Espera que você se deslumbre com sua glória = grandiosidade.
- Muda de opinião rápido demais, para poder concordar com você = afeto superficial.
- Ou... é extramente agressivo quando você discorda dele = descontrole comportamental.
- É gentil com você mas grosseiro com os outros = charme superficial.
- Pega dinheiro emprestado para sair com você = estilo de vida parasitário.
- Supõe que o encontro vai terminar em sexo = presunção.
- Fala em se mudar para sua casa no primeiro encontro = parasita ou impulsivo.
- Não percebe que você está desconfortável com sua intensidade emocional = falta de empatia.
- Conta histórias em que é a vítima trágica ou o grande herói = narcisismo.
- Não faz nenhuma pergunta sobre você = sentimento grandioso acerca da própria importância.


Atenção ao “efeito halo”.

“Efeito halo” é um termo empregado por psicólogos especializados em psicologia social para descrever a atribuição de todos os tipos de qualidades a uma pessoa com base na sua aparência. É assim chamado porque permitimos que uma ou duas características se sobreponham a todas as demais, assim como faz um halo, que é fenômeno óptico causado pela luz encontrado em imagens religiosas. De modo geral, imaginamos que as pessoas bonitas têm mais personalidade, são mais calorosas e até mesmo boas de cama.
Temos tendência também a perdoar ou desculpar mais facilmente o comportamento de uma pessoa bonita: estudos revelam que réus atraentes têm mais chances de serem considerados inocentes. Em suma, os psicopatas conseguem desarmar as pessoas com charme e, quando também são bonitos, é uma combinação muito perigosa que poderá fazer você ignorar os sinais de alerta.


*****

Todas as informações desse texto foram baseadas e retiradas do livro “Como identificar um psicopata” de autoria de Kerry Daynes e Jessica Fellowes. Apesar de ampla experiência e conhecimento nessa área dos escritores é importante ressaltar que para uma identificação completa é preciso um diagnóstico feito por especialistas, mas, com as informações aqui disponibilizadas, você mesmo poderá ter mais lucidez sobre seus relacionamentos porque será preciso escapar rapidamente de um psicopata se houver algum na sua vida.


Este texto traz apenas informações básicas.
Estude! Se aprofunde mais no assunto!
E não acredite em nada. Experimente! 

Por Alexandre Pereira.
.








0 comentários: